9 de setembro de 2012

Vestido de Tule e Jérsei Versace


Já faz bastante tempo que estou querendo postar este vestido, só que não conseguia encontrar as referencias, mas agora com a ajuda de minha irmã consegui!
Trata-se de um modelo simples no corte, mas difícil no material e com um trabalho de bordado que com certeza leva pelo menos um mês de dedicação total.
Seguem então as coordenadas para fazer um modelo (quase!) igual a esse da Versace.

foto reprodução

Desvendando os mistérios:

Tecido 1: 03 metros de jérsei da cor exata da sua pele!! E temos aí a primeira grande dificuldade, existem cores limitadas de jérsei e uma infinidade de cores de pele no mundo, mas tente chegar o mais próximo possível da sua. Isso faz toda a diferença no efeito falso de transparência.

Tecido 2: 03 metros de tule elástico bordado em formado de tela, e temos agora a dificuldade numero 02 - pelo menos aqui em Salvador. O tule deve ser com elastano porque se não for, não vai ficar bacana pois teremos que colocar pences o que acaba deformando o desenho. 
Outra coisa, esse bordado deve ser só com linha, nada de pedras!

Tecido 3:  06 metros de tule liso com elastano na mesma cor do tule bordado.

Corte:
Cortamos o tule liso de uma vez só, tecido em viés, silhueta sereia bem justa no corpo. Decote alto na frente e nadador nas costas.

foto reprodução
A saia começa a abrir 10cm antes do joelho colocando 20cm de abertura lateral para dar a roda. Para ampliar a roda da saia colocamos 06 nesgas sendo uma em cada lateral, uma na frente na linha vazada esquerda pois a linha direita fica aberta para fazer a fenda e duas atrás também nas linhas vazadas, sendo que estas com comprimento maior para fazer a calda.
Por baixo do tule liso vai o tule bordado em rede sendo que o corte é conforme o desenho abaixo:


Desta forme teremos o efeito vazado na altura do cós e no comprimento da saia na linha das nesgas. Nesta camada não coloca nesga. O tecido em viés também.

foto reprodução
E por ultimo fazendo o forro vai o jérsei com o mesmo corte do tule liso sem nesgas.
O zíper é invisível e vai na lateral.

Bordado: o bordado vai no tule liso, sendo feito de cristal, strass, miçanga prata fosca e fio prateado. No corpo começa mais concentrado na parte de cima, contornando todo o decote, fazendo o efeito salpicado com as miçangas, cristais e strass e com o fio fazendo um desenho de ondas em contraporto ao desenho de rede do tule bordado.
Nas linhas vazadas da saia bordamos somente com cristal no mesmo desenho de rede do tule. 
No resto da saia não tem bordado.

foto reprodução

Bainha: Somente no jérsei caso ache realmente necessário.

Observação importante :Como ele não é transparente de verdade, de tecido leve e muito justo é importante colocar uma lingerie que modele todo o corpo, ajudando assim no caimento do vestido.


Com montagem  simples o grande trabalho deste vestido é o bordado que deve ser feito com calma e com fartura de peças.


É isso, espero que tenham gostado. Beijos e até o próximo!