18 de setembro de 2012

O que já fiz - Elie Saab


Mais um dos que já fiz.
Para este usamos como inspiração este modelo de Ellie Saab.

Foto reprodução

Desvendando os mistérios:

Tecido 1: 05 metros de tule azul claro.

Tecido 2: 02 metros de renda para recortar.

Tecido 3: 03 metros de seda de poliéster rosa chá, para o fundo.

Corte:
Cortei o tule e a seda em modelagem sereia, com o tecido em viés.
As costas fechamento com zíper invisível até a linha da cintura, daí para cima manter aberto. Fechamento com botão forrado na nuca.
Para o volume da saia apliquei no tule 06 nesgas em corte triangular, fio enviesado, 10 cm acima da altura do joelho, sendo 03 na frente e 03 nas costas. Caso queira ainda mais volume é só aplicar nesgas de tule nas laterais também. Na seda não precisa colocar nesgas.
As pences são na lateral, seguindo a linha do busto.
Na cintura apliquei um passador pelo lado de dentro onde coloquei em elástico, para ajudar a fazer o efeito blusado bem leve.
Arremate com um cinto de renda de 03cm amarrado na cintura com um lacinho.

            

  

Bordado: Recortei a renda e recosturei somente no tule. Depois rebordamos, conforme o desenho de cada aplique de renda, com paetê translucido e miçanga translucida. Fizemos também fileiras de paetê na vertical.
Nesta parte você pode escolher colocar muito ou pouco bordado, fica a critério da dona do vestido. Aqui escolhemos menos bordado.



Bainha: Somente na seda queimada a vela.

Observação importante: Como o forro é de seda e seda é um tecido muito leve, o ideal é usar com uma lingerie modeladora, assim evitamos marcas de qualquer espécie.

 E vestido pronto, junto com a dona!